PT Alesp


Notícias

17/04/2018

DIREITOS HUMANOS

Padre Júlio Lancellott fala sobre a banalização do mal

Crédito:
Em reunião na Alesp hoje (17/4), o Padre Júlio Lancellott discorreu sobre as ameaças que recorrentemente têm sofrido. São trezentas páginas juntadas de posts ofensivos, agressivos e ameaçadores reunidos para apresentar denúncia ao Ministério Público.

A reunião faz parte do ato em solidariedade aos defensores e defensores doa direitos humanos, que foi adiado e ocorrerá de forma ampliada na Alesp em breve.

Defensor incansável dos direitos humanos, sobretudo estando ao lado das pessoas que moram nas ruas, o padre falou da necessidade do Estado olhar por essa população vulnerável.

Lancellott criticou o fato de nem mesmo haver um censo da população de rua em São Paulo. Ele acredita que o grupo de estudos da USP, universidade que é do Estado, poderia elaborar essa triagem.

Fora isso, destacou o desastre e a "banalização do mal" que é a violência constante praticada contra a população de rua pela Guarda Civil Municipal (GCM) e outras forças policias.

Sem falar do uso da população de rua naquilo que é conveniente (e desumano). Por exemplo, exploração dessa população para montagem e desmontagem de estruturas de eventos como Virada Cultural e Lolapalooza.

A deputada Beth Sahão, líder da bancada do PT na Alesp, articulou a reunião que será seguida de outras.


 Tags

 Versão de impressão Enviar para amigo