PT Alesp


Notícias

09/04/2018

SAÚDE

Neder preside primeira reunião da CPI das OSS, que a partir de agora pode começar os trabalhos de investigação

Crédito: Raphael Montanaro
O deputado Carlos Neder (PT) presidiu, na quinta-feira (4/5), a primeira reunião da CPI das Organizações Sociais da Assembleia Legislativa da São Paulo. Neder foi atribuído para a função de presidir os trabalhos nesta primeira reunião da comissão por ser o deputado mais velho entre os membros efetivos que compõem o órgão. Na ocasião foi eleito o presidente da CPI, deputado Edmir Chedid (DEM).

Neder foi indicado pela Bancada do PT como membro efetivo da CPI, que deve apurar denúncias de irregularidades nos contratos celebrados com Organizações Sociais da Saúde (OSS), pelas prefeituras e pelo Governo do Estado de São Paulo. O deputado José Américo (PT) também compõe a comissão como suplente.

A próxima reunião da CPI das OSS já foi agendada para o dia 10 de abril (terça-feira), às 14h30, quando deverão ser escolhidos o vice-presidente do órgão e o deputado-relator dos trabalhos. De acordo com o deputado Carlos Neder, na ocasião também deverá ser apresentada uma proposta de roteiro de trabalho.

Até que enfim

A CPI das OSS foi criada no começo de fevereiro e desde então já vem contando o prazo de funcionamento, previsto inicialmente para 120 dias, sendo possível a prorrogação, desde que aprovada pelos deputados, por igual período.

Até o início de março, porém, somente a Bancada do PT havia formalizado a indicação dos parlamentares que comporiam o órgão técnico. O deputado Carlos Neder chegou a denunciar da tribuna da Assembleia Legislativa a morosidade para a composição da CPI, lembrando o caso das CPIs Fantasmas que rondam o parlamento paulista. No último dia 21 de março então foram nomeados oficialmente os membros do órgão.

Uma tentativa para finalmente dar início aos trabalhos da CPI foi realizada na última terça-feira (3/4), mas na ocasião somente três parlamentares compareceram, incluindo o deputado Calos Neder, não tendo quórum suficiente para instalar os trabalhos.

Fonte: Assessoria do Deputado Estadual Carlos Neder


 Tags

 Versão de impressão Enviar para amigo