PT Alesp


Notícias

27/10/2017

FALHAS METRÔ 2017

Quase 100 panes graves no Metrô de Alckmin em 2017

Crédito:
Nem a linha de Metrô que Alckmin concedeu para exploração iniciativa privada está imune a panes que desgastam a paciência em colocam em risco a segurança do usuário. Segundo matéria da Folha de S. Paulo desta sexta-feira (27), o número de panes da Linha 4-Amarela pulou de 8, em 2016, para 15, em 2017. Isso porque dados consultados incluem apenas panes que geram transtornos aos passageiros. Muitas das falhas nem mesmo são computadas.

Neste ano, as panes mais graves chegaram a 93 até o mês de setembro. Pior: para se justificar, o governo diz que as falhas se devem à instalação de um sistema que era para melhorar/modernizar a circulação de trens, o Controle de Trens Baseado em Comunicação (CBTC), comprado pelo próprio governo em 2008.

A matéria indica que a Linha 5-lilás do Metrô (Capão Redondo-Brooklin) “lidera” como campeã das panes; foram 21 falhas graves entre janeiro e setembro 2017.

Para completar, Alckmin ainda entrega linhas sem conclusão, o que também coloca em risco segurança dos passageiros. Conforme denuncia a matéria, a Linha 5-lilás foi entregue com infiltração, vazamento, vidros estilhaçados e elevadores sem funcionar.

RANKING DAS FALHAS DO METRÔ

1) “Campeã” - Linha 5-Lilás, com 8,4 panes*
2) Linha 1-Azul, com 2,3 panes
3) Linha 4-Amarela, com 2,2 panes

(*) a cada 100 mil passageiros.





 Tags

 Versão de impressão Enviar para amigo

Leia mais