PT Alesp


Notícias

01/10/2017

Usina não

Terceira derrota dos tucanos em Peruíbe. Usina não!

Crédito:
Na última quinta (29), parte do time de parlamentares da Alesp estiveram em Peruíbe, para mais uma etapa da luta contra instalação da usina termoelérica na cidade, projeto monstruoso apoiado com orgulho pelos tucanos representados pelo vice-governador Márcio França.

Por mais que chamem de terminal ofshore, o que ainda assim seria completamente nocivo para a região, o projeto trata da instalação da maior usina termelétrica do mundo dentro de uma cidade. O escopo da obra tem características de porto dentro de uma área de protecão ambiental, que não permite este tipo de construção.

Na quinta, Luiz Fernando Teixeira qué é autor de uma Frente Parlamentar na Alesp contra a instalação da usina, acompanhado de Luiz Turco, José Zico Prado e Nilto Tatto esteve com o povo num ato pelas ruas de Peruíbe que caminhou até o Palace, um buffet particular para onde teria sido convocada uma audiência pública sobre o tema.

Na quarta (28), um juiz que expediu uma liminar que suspendia a realização da audiência no local, por não possuir Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB). Mas, misteriosamente, na quinta (28), outro juiz derrubou a liminar, mantendo a reunião.

O povo da cidade imediatamente reagiu, pois não foi convidado para a atividade. O cenário foi armado para ser uma reunião entre tucanos e patrões que só estão interessados nos lucros de seus negócios.

Uma vez suspensa a audiência na quinta-feira, os moradores de Peruíbe e de toda a Baixada, obviamente, não contavam mais com a realização da atividade, o que de fato, desmobilizou uma parte da população que acabou assumindo outros compromisso de rotina. Por isso, quem estava na cidade, se organizou e elaborou uma concentração na rodoviária para um ato contra a realizacão da audiencia que o povo, principal afetado com o projeto, não foi convidado e assim, a reunião tornou-se de caráter privado.
A população só tomou conhecimento que a Justiça havia voltado atrás no cancelamento da reunião por acaso, de maneira informal, quase que no "boca a boca".Tentaram aplicar um golpe no povo da Baixada.

A população, junto com os parlamentares do PT na Alesp se reuniram em frente ao Palace e resolveram em conjunto não entrar no espaço. Resultado: a audiência foi cancelada! E não é primeira vez que os tucanos e seus aliados interessados em atender o interesse de grandes empresários perdem para o povo de Peruíbe, é a 3a, vez seguida!

Peruíbe não quer passar pelos dramas que a vizinha Cubatão enfrentou no passado.

Tentaram aplicar um golpe no povo da Baixada mas de nada adiantou. Os deputados do PT continuarão no combate contra a usina junto com os peruibenses e vão acompanhar de perto qualquer manobra, convocatória que tucanos e movimentos à favor da usina terem ser feitos na cidade.


 Tags

 Versão de impressão Enviar para amigo