PT Alesp


Notícias

15/09/2017

TRANSPORTE FERROVIÁRIO

Com presença de Zarattini, Zico Prado realiza debate em defesa das malhas ferroviárias de SP

Crédito:
Ocorreu hoje (15) na Assembleia Legislativa paulista uma Audiência Pública em defesa da malha ferroviária paulista, com o tema “A quem interessa a antecipação dos contratos da concessão da Malha paulista?”. O evento teve iniciativa do Coletivo deputado estadual Zico Prado e apoio Liderança PT.

A atividade contou com a presença do Líder do PT na Câmara Federal, deputado Carlos Zarattini.

O principal ponto da discussão foi a renovação de um contrato ferroviário em São Paulo por mais 40 anos. O documento está hoje nas mãos da empresa Rumo, ligada à Cosan, produtora de açúcar e álcool. O perigo, alerta o líder dos deputados federais do PT, Carlos Zarattini, é que a concessão represente um “tendência de ser extensão de um monopólio”. O líder acredita que é necessário verificar sob quais condições o novo contrato será feito.

O deputado petista José Zico Prado aponta que “o contrato privilegia pura e simplesmente transporte de cargas de grandes indústrias e não dos pequenos e médios trabalhadores”.
Zico diz que a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) está querendo fechar contrato no mês que vem, outubro. A luta dele é para que o contrato seja discutido com mais tempo, para que os interesses do estado de São Paulo sejam defendidos.

“O Estado de São Paulo já perdeu 60% em investimentos nessa área e o Governo acabou com transporte ferroviário de passageiros”, lamentou Zico.
A deputada petista Ana do Carmo parabenizou o deputado José Zico Prado pela iniciativa do evento e falou: “Andando para cima e para baixo no Estado de São Paulo vemos cidades em que as ferrovias estão lá, mas desativadas. Não dá para compreender. Vamos continuar esse debate”.

Próximas ações

O deputado federal Carlos Zaratinni vai pegar todas informações sobre o contrato das ferrovias paulistas em Brasília. Os conteúdos serão analisados para que o coletivo consiga compreender o texto. A intenção, conforme menciona Zico é “que se tenha tempo de debater, de divergir e de mudar os rumos do contrato”.


 Tags

 Versão de impressão Enviar para amigo