PT Alesp


Notícias

19/06/2017

CULTURA CAIPIRA

1ª edição do Prêmio Inezita Barroso acontece em junho

Crédito:
Dia 23/6, às 10h, é dia de valorizar a música caipira de raiz. Vai acontecer na Assembleia, no Plenário Juscelino Kubitschek, entrega do prêmio Inezita Barroso a músicos que se destacam por sua contribuição à música caipira de raiz e qualquer outra forma de arte genuinamente popular. Uma iniciativa do mandato do deputado Marcos Martins.

O Prêmio foi criado a partir do Projeto de Resolução 31/2015, de autoria do deputado, com o intuito de valorizar a cultura dita caipira de raiz e qualquer forma de arte verdadeiramente popular que a complemente. Segundo o deputado, além de eternizar a vida e obra de Inezita, também é uma homenagem àqueles que se destacam no universo da cultura sertaneja.

“Inezita foi a embaixadora da música caipira, ela revelava artistas, músicos para o seu programa, além de defender com orgulho a cultura sertaneja. O prêmio é uma maneira de perpetuar este trabalho e reconhecer sua importância”, afirmou o deputado.

Para esta edição, a Comissão de Educação e Cultura da ALESP selecionou 10 artistas que serão contemplados com a honraria, entre dezenas de inscritos ou indicados: Bruna Viola; Daniel Firmino; Duo Glacial (Ana e Miguel Cervan – em memória); Jesus Belmiro; Léu (da dupla Liu e Léu); Orquestra dos Violeiros de Osasco; Orquestra dos Violeiros de Santa Fé; Viola Show e Matheus Calil; Waléria Leão; e Zinho do Violão.

O deputado Marcos Martins parabeniza os selecionados e convida a população para prestigiar a cerimônia de premiação. “Parabenizo de antemão todos artistas, duplas, bandas e grupos selecionados pela Comissão que receberão o Prêmio Inezita Barroso. Esperamos por vocês para prestigiar esses grandes nomes”, finalizou Martins. O evento é aberto ao público e não é necessário fazer inscrição.

INEZITA BARROSO
Ignez Magdalena Aranha de Lima nasceu em São Paulo no ano de 1925. Foi cantora, atriz, instrumentista, bibliotecária, folclorista, professora e apresentadora de rádio e televisão. Recebeu o troféu Roquette Pinto como melhor cantora de rádio; o prêmio Guarani, como melhor cantora em disco, além do prêmio Saci de Cinema. Em 2003, foi condecorada com a medalha Ipiranga, recebendo o título de comendadora da música raiz. Inezita Barroso faleceu em São Paulo, no dia 8 de março de 2015.

SERVIÇO
Entrega do Prêmio Inezita Barroso
Data/Horário: 23/06 (sexta-feira), às 10h
Local: Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo/Plenário JK
Endereço: Av. Pedro Álvares Cabral 201, Ibirapuera, São Paulo – SP
Contato: Gabinete deputado estadual Marcos Martins – Tel.: (11) 3886-6241

ENTRADA GRATUITA – NÃO É NECESSÁRIO FAZER INSCRIÇÃO


 Tags

 Versão de impressão Enviar para amigo