PT Alesp


Notícias

30/03/2017

DESPERDÍCIO

Conselheiro do TCE-SP afastado continua recebendo salarião

Crédito: Brasil 247
Conselheiro afastado do TCE-SP continua recebendo salarião há 2 anos e meia
Robson Marinho trabalhava como conselheiro no Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) até ser afastado do cargo em agosto de 2014 por suspeita de corrupção. Mesmo assim, há dois anos e meio ele continua a receber salário de mais de R$50 mil (bruto), o que, com os descontos, representa quantia de R$39.326,77.

De acordo com matéria veiculada no site da revista Valor, Marinho é alvo de inquérito pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) e está sendo investigado por improbidade administrativa pelo Ministério Público Estadual de São Paulo (MP-SP). A suspeita de que ele tenha recebido US$2,7 milhões da Alston, uma das empresas do “Trensalão”, como ficou conhecido o esquema de formação de cartel em licitações dos transportes metroferroviários, um dos escândalos do governo Geraldo Alckmin.

Como consta na mesma matéria, a vaga de Robson Marinho é ocupada hoje pelo auditor Alexandre Manir. E a informação que causa mais alerta: “Marinho não é o único integrante da corte de contas paulista colocado sob suspeita”.





 Tags

 Versão de impressão Enviar para amigo

Leia mais