PT Alesp


Notícias

16/06/2017

DESUMANO

Nota dos deputados do PT-SP- Repúdio às violências em reintegração de posse de no RS

Crédito:
Nós, os deputados estaduais do PT de São Paulo, manifestamos repúdio e condenamos veementemente a brutal violência da Brigada Militar, do Rio Grande do Sul, conduzida pelo governador José Ivo Sartori, do PMDB de Temer, na reintegração de posse dos moradores da ocupação Lanceiros Negros.

A ação, com requintes de ardilosa crueldade, ocorreu na noite de véspera do feriado, pegando de surpresa as famílias que foram atingidas e as lideranças do movimento. Crianças, mulheres e idosos foram lançados às ruas com bombas de efeito moral e balas de borracha.

A brutalidade foi tamanha que não perdoou nem mesmo o presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Estado, o deputado Jefferson Fernandes, que realizava uma audiência pública no local.

Ao ser algemado, preso e conduzido à força pela PM, o deputado teve os direitos inerentes à sua função violados pelo próprio Estado. A força policial, ao desrespeitar e agredir o poder legislativo local, consequentemente desrespeitou os parlamentos de todo o país.

Nós, deputados paulistas do PT, somos solidários às vítimas da violenta reintegração de posse e ao companheiro Jefferson Fernandes, que demonstrou o compromisso mais do que político, mas acima de tudo humano, de sempre estar ao lado daqueles que mais precisam. Endossamos o pedido dos companheiros do Rio do Sul, que exigem a exoneração do comandante da Brigada Militar, Andreis Silvio Dal `Lago, e do Secretário de Segurança Pública, César Schirmer.

A sociedade brasileira não aceita a violação dos parâmetros legais e democráticos que permearam toda operação policial, abusiva e agressiva despejando famílias sem teto, mulheres e crianças.
Quando o Estado age arbitrariamente contra pessoas inocentes e contra aqueles que lutam por direitos, bom sinal não é, e não podemos nos calar diante de tamanha violência.

A violência que parece atingir apenas alguns, atinge a todos indiscriminadamente e a vítima de amanhã pode ser você, as mulheres, os jovens, os negros, a população LGBT, os católicos, evangélicos. Todos.
Assim, nós, deputados estaduais do PT de SP, repudiamos a violência gratuita da PM do governador do Rio Grande do Sul Ivo Sartori. Antes de mais nada esta é a PM de Temer.

Alencar Santana Braga
Deputados estadual e líder da Bancada do PT da Assembleia Legislativa de São Paulo


 Tags

 Versão de impressão Enviar para amigo